Palestrantes / Speakers

Dra. Andrea Ferreira Portela Nunes

Diretora Nacional do SIBBr. Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações – MCTIC

Biografia: Dra. Andrea Ferreira Portela Nunes possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Santa Úrsula (1984), mestrado em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Pará (1992) e doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001). Trabalha no Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação desde 1988, tendo atuado como Pesquisadora do Museu Paraense Emílio Goeldi e passado pela Coordenação-Geral de Políticas e Programas em Biodiversidade e pela Assessoria de captação de recursos internacionais da Secretaria Executiva do MCTI. Atualmente está à frente da Coordenação-Geral de Gestão de Ecossistemas do MCTI. Tem larga experiência na implementação de políticas públicas em meio ambiente e biodiversidade e no acompanhamento e avaliação de políticas e programas em C&T. Atua na coordenação de redes e programas do MCTI, tais como, o Programa Nacional de Pesquisas em Biodiversidade – PPBio, a Rede Pró-Centro-Oeste, a Rede Bionorte, a Rede ComCerrado, a Rede Geoma, o Programa LBA e o Programa AmazonFace. É Diretora Nacional do Sistema de Informação em Biodiversidade Brasileira -SiBBr. Possui formação na área de Zoologia, com ênfase em Ecologia de Paisagens, Ecologia de Comunidades e Ecologia de populações.

PalestraSistema de Informação sobre a Biodiversidade Brasileira – SIBBr

Resumo: O SiBBr é uma plataforma on-line que pretende reunir a maior quantidade de dados e informações existentes sobre a biodiversidade do Brasil. Seu objetivo é apoiar a produção científica e processos de formulação de políticas públicas e tomada de decisões associadas à conservação ambiental e ao uso sustentável dos recursos naturais, por meio do estímulo e facilitação à digitalização, publicação na internet, integração de dados de livre acesso e uso de informações sobre a biodiversidade brasileira. Com o SiBBr, o governo brasileiro atende a uma recomendação da Convenção sobre a Diversidade Biológica (CDB), do qual o Brasil é um dos países signatários, no que concerne a integração e disponibilização de informações sobre biodiversidade. O projeto é associado à Plataforma Global de Informação sobre Biodiversidade (GBIF, na sigla em inglês), a maior iniciativa multilateral de acesso virtual a informações biológicas de aproximadamente 60 países. O GBIF soma mais de 570 milhões de registros de espécies provenientes de 766 instituições. Assim, com o SiBBr, o Brasil integra o maior esforço global para conhecer melhor a biodiversidade do planeta e disponibilizar gratuitamente as informações existentes.

Anúncios